Telefone (62) 3261-3552 WhatsApp (62) 99603-3552
 
 
Divino Espírito Santo
Reflexão diária do Evangelho - João 15,26-16,4a - 18 de maio
Crédito da foto - Pascom _matriz

Evangelho – João 15,26-16,4a)
“Ele dará testemunho de mim”


Participar da vida de Jesus Cristo é assumir a identidade missionária, discipular, servidora e ser uma testemunha viva de suas palavras, gestos e atitudes.
Na medida em que caminhamos para o fim do tempo pascal e em breve assumiremos o caminho do “tempo comum”, vamos aprendendo que será no cotidiano da vida, no comum de cada um, que deveremos intensificar a atitude do testemunho.
Testemunhar é assumir o compromisso com a verdade, a autenticidade e a lealdade. Diante de uma autoridade judiciária, por exemplo, faz-se o juramente de dizer a verdade, somente a verdade, com o risco de sofrer as penalidades caso não o faça. É falar aquilo que viu com os próprios olhos. Quando o testemunho está alicerçado na mentira, ele se destrói, torna-se vazio, não convence.
Testemunhar é algo sério e responsável que cada cristão assume na medida em que vive os sacramentos, desde o batismo, todos abraçam esta missão. Neste sentido, podemos pensar: como a vivência dos sacramentos alimentam em nós o desejo de testemunhar?
Na caminhada existencial passamos pelos momentos bons e ruins, e ambos podem e devem ser ocasiões para testemunhar a fé e o compromisso com o Reino. Jesus no texto de hoje, alerta para os momentos difíceis da caminhada da Igreja, no entanto, são estas ocasiões em que percebemos a eficácia da ação do Espírito Santo, como o Defensor, o Espírito da Verdade.
Cada um é convidado, a diariamente, dar este testemunho, de que o ser cristão é participar efetivamente na construção do Reino entre nós, motivando tantos outros a fazer o mesmo.
Convido-lhe: clique aqui e deixe seu testemunho de vida.


Padre Kleber Rodrigues da Silva
Pároco

 
Indique a um amigo
 
 
Conteúdo Relacionadas